IMG_4429
Reflexão

Quanto você se aceita?

Olá gurias, tudo bem? Hoje quero começar o texto com uma pergunta: Numa escala de 0 a 10, quanto você se aceita?

Nos últimos anos o termo plus size ganhou destaque na mídia, entrou em evidência e consequentemente, a mulher acima do peso passou a se arrumar e a se valorizar mais, uma vez que ficou mais fácil encontrar roupas bonitas, que seguem tendências e que realmente permitem isso. Também surgiram as modelos gordinhas, ocupando espaço em revistas de moda, posando em fotos belíssimas, mostrando como é possível ser linda sem ser magra.

O padrão de beleza agora foi contestado, afinal de contas, existe mesmo um padrão? E uma multidão de gordinhas se sentiu livre, solta das amarras impostas pela “moda magra”, que aliás é mais uma das modas exportadas. Veja a foto, sou eu brincando com a escultura La Gorda Gertrudis, na Plaza Santo Domingo em Cartagena, em muitos lugares do mundo a beleza está relacionada com as formas maiores e redondas, ou seja, as magrinhas, não são tão apreciadas.

No entanto, me parece que algumas viram nesses acontecimentos, uma desculpa para a insatisfação própria, criando uma casca, que por fora, descolada, resolvida com seu corpo, mas por dentro, infeliz, uma pessoa que não se aceita e que muitas vezes, não consegue enxergar a própria beleza.

Eu já me senti assim. Sempre fui resolvida com tudo, porém houve um tempo no qual eu não aceitava que os outros pudessem me achar bonita. Era inadmissível que achassem uma gorda bonita, quando só as magras, de fato, eram admiradas. Eu poderia dizer que com o tempo eu mudei de ideia, mas não foi isso. Mudei quando olhei para dentro de mim e me descobri, como mulher, como uma pessoa única, que tem sua beleza e seus defeitos, quem não tem?

A descoberta de uma verdade oculta pode mudar tudo. Essa verdade é o que cada uma leva dentro de si e a descoberta, quando você consegue se olhar e aceitar cada pedacinho seu. Desejar que algumas coisas fossem diferentes, é pertinente ao ser humano. No entanto,  saber se aceitar e se amar, nem todos se permitem, mas todos são capazes.

Por isso, se sua nota não foi 10, procure dentro de si aquilo que não enxergou. Aceite quem você é, depois disso, irá perceber como as coisas ao seu redor mudam. As pessoas também passam a nos enxergar diferente quando transmitimos satisfação e autoconfiança. Como dizem por aí, quem irá nos amar e nos aceitar, se nós mesmas não fizermos isso primeiro?

Não é minha intenção dizer o que você precisa fazer para sua nota nessa escala ser 10. Quero apenas, que com sinceridade, responda para você mesma e perceba que você pode ser muito mais feliz se amando e se aceitando assim, do jeitinho que é.

Beijos, fiquem por aqui!

Escreva um comentário